A Associação Parkinson do RS - APARS, fundada em 2002, tem o propósito de contribuir para a melhoria da qualidade de vida das pessoas afetadas pela doença de Parkinson e de seus familiares. É uma entidade sem fins lucrativos, políticos ou religiosos, de caráter beneficente e educativo. Sobrevive unicamente graças à sua contribuição, pois não possui nenhuma outra fonte de receita. Entre as ações que realizamos estão: apoio, orientação e informações aos portadores da doença de Parkinson, seus familiares e cuidadores; palestras a cargo de profissionais da saúde, tais como neurologistas, neurocirurgiões, psicólogos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, nutricionistas, entre outros, e promover ações junto a entidades públicas visando garantir o acesso regular aos medicamentos.
Nossas atividades se desenvolvem na AMRIGS e IPA, os quais nos apoiam e ainda contamos com o suporte do SIMERS e Naturovos.

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Resoluções de ano novo para ajudar a viver bem com o Parkinson

Nunca é demais repetir um "post"...

Por Sheryl Jedlinski

4 January, 2012 - Para a maioria das pessoas, a véspera de ano novo é o momento de olhar em frente com as promessas para o ano que vem, e refletir sobre as mudanças que queremos fazer em nossas vidas. Aqueles de nós que vivem com a doença de Parkinson muitas vezes encontramo-nos à margem, com medo de sonhar em face do nosso futuro incerto. Isto é injusto para nós e para aqueles que se preocupam conosco.

Cada um de nós deve encontrar a sua própria maneira de colocar a raiva e a tristeza para trás e continuar com a vida. Embora a vida nunca mais será da forma como havíamos planejado nos dias de nosso pré-Parkinson, ser "diferente" não significa que tenha que ser ruim. Há mais de 13 anos em minha própria jornada com Parkinson, asseguro-vos que as escolhas que fazemos diariamente terão impacto sobre a qualidade de vida que teremos amanhã. Eu escolhi minhas 10 resoluções para 2012, com isto em mente estou compartilhando-as aqui para inspirar e motivar você a fazer suas próprias resoluções:
Clique em cima para ampliar.

1 - Fazer do exercício diário uma prioridade. Pesquisa revela que é a única coisa que pode retardar a progressão da doença. Também melhora a saúde geral e nos faz sentir e parecer melhores.

2 - Dormir mais. Dormir menos de sete horas por noite dificulta nossa capacidade de se concentrar, tomar decisões, e de moderar as nossas emoções. Também contribui para o ganho de peso, bem como "a sonolência diurna excessiva" e "ataques de sono" que comprometem a segurança ao volante e no local de trabalho.

3 - Comer melhor. Os alimentos que comemos hoje vão impactar nosso nível de condicionamento físico e a saúde em geral à frente.

4 - Se concentrar no que você pode fazer, não no que você não pode. Posso fazer coisas agora que eu não podia nem sonhar em fazer na minha pré-Parkinson, como nadar um quilômetro de cada vez.

5 - Viver o momento. Fazer o melhor que você pode hoje e negocie com o amanhã, amanhã.

6 - Não permitir que o Parkinson roube-lhe os bons tempos que ainda estão esperando por você.

7 – Adote um novo hobby ou aprenda algo novo.

8 – Voluntarie-se para ajudar os outros e encontrar um novo propósito a nossas próprias vidas. Cada um de nós tem um dom que podemos compartilhar e ter um impacto positivo na vida dos outros.

9 - Encontrar maneiras de se sentir mais no controle. Participar de ensaios clínicos é uma maneira de fazer isso, já que a pesquisa oferece a nossa única esperança de encontrar uma cura.

10 - Passar mais tempo com a família e amigos. Se você não gosta de como você está atualmente mental ou fisicamente, este é o momento ideal para mudar o seu curso e seu destino. A escolha é sua. (original em inglês, tradução Hugo) Fonte: PD Plan 4 Life.

Nenhum comentário: